FERIDAS DA ALMA

almapaix“Pois que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?”

Mc 8:36

A casa pode estar limpa e cheirosa, mas se o banheiro estiver sujo, certamente contaminará toda a casa, assim, uma alma doente contamina todo o corpo.

Quando a sombra das agruras do passado encobrem o presente, a vida adoece, a alma fica enferma. Uma vida sem os princípios divinos enlameiam a alma e faz com que paire sobre ela uma horrível expectação de juízo.

Há prisioneiros de ações condenáveis, que mesmo depois de Jesus Cristo ter aberto a porta da prisão, optaram por permanecerem trancafiados em suas práticas pecaminosas.

Se o “banheiro” da alma não estiver totalmente limpo, a sujeita oculta, um dia virá a tona e causará escândalo.

Há fedores terríveis da alma que o próprio indivíduo sente repulsa. No entanto, habituou-se com a lama, adaptando-se a uma vida que tem consciência de que o condenará por uma eternidade.

Não se pode limpar um ambiente de propositalmente está trancado.

A limpeza desse núcleo que ninguém pode violar, se dá através do convite ao Espírito Santo para que entre naquilo que nós não queremos compartilhar, e sem resistências permitamos o Seu acesso aos nossos piores fedores, para que faça uma faxina intensa com o sangue de Jesus Cristo e nos purifique, higienizando tudo o que está contaminado.

Limpar a alma é tão fundamental quanto colocar o corpo de molho e dar um bom banho. Se não houver uma cura para as feridas da alma, um banho intenso e pleno na Palavra, elas irão feder e contaminar a vida. Assim como uma alma limpa é uma alma salva, uma alma suja é uma alma perdida.

Uma alma curada dá origem a um novo homem, criado segundo Deus, em verdade, justiça e santidade.

Uma alma curada se torna absolutamente livre, fazendo com que o indivíduo seja capaz de optar pela melhor escolha, liberto para dizer sim ou não, sem tendências escravagistas que o inclinam e o submetem ao jugo que o faz ceder à tentação, para praticar o pecado. Alma curada é ter o poder de dizer não à pratica pecaminosa.

A síndrome do “Lázaro morto” – aquele que fede – aterroriza muita gente, mas Jesus quer soprar o folego de uma nova vida, para escrever uma nova história. Ao salvar a alma, Jesus Cristo a cura das chagas horríveis, através do novo nascimento, afinal, o novo vem revestido da perfeição de Deus.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s